Bem vindos ao Matutices Poéticas!

Bem vindos ao Matutices Poéticas!

sábado, 26 de julho de 2014

Walter Borges e Nêgo de Belo são os entrevistados do 'Sinfonia Nordestina' deste sábado, na Surubim AM

O organizador do tradicional Festival de Quadrilhas do Diogo, no município de Casinhas, Walter Borges, e o empresário e cordelista José Gomes de Lima, o "Nêgo de Belo", são os entrevistados deste sábado (26) no programa "Sinfonia Nordestina", que eu apresento das 13 às 14h, na Rádio Surubim AM.

Enquanto Walter comenta a morte do escritor Ariano Suassuna, de quem era amigo pessoal, e destaca a programação cultural do Festival do Diogo, que acontece na noite deste sábado (26), Nêgo fala sobre o lançamento do seu primeiro cordel, "O Rio Quebrando as Pedras", que acontece na noite deste domingo (27). A publicação conta em versos um pouco da relação dos moradores do Diogo com o Rio Caiaí, que corta a comunidade.

Ouça ao vivo, através do site da emissora, clicando aqui.

sábado, 19 de julho de 2014

Ouça a íntegra do "Sinfonia Nordestina" deste sábado (19) com Edilton Santos e Nêgo do Manduri

Na Surubim AM, Klebson Oliveira com Edilton Santos, Nêgo do Manduri, Beto e Agaci Alves (Foto: Charles Nascimento/Divulgação)
No programa "Sinfonia Nordestina" deste sábado (19), entrevistei o artista plástico Edilton Santos e o poeta Nêgo do Manduri. Edilton, que promove todos os meses um sarau para ser discutido tudo sobre a nossa cultura. Já Nêgo do Manduri é poeta, escritor, agitador cultural e grande incentivador da nossa cultura nordestina. Eles falaram da cultura nordestina em primeira linha, com menção especial ao saudoso poeta das vaquejadas Zito Barbosa.

Foram declamadas poesias, tocada a autêntica música nordestina, dos poetas, apologistas e tantos outros que engrandecem nossa cultura. Aproveitei para traçar alguns planos para o futuro com esses artístas, para que em breve possamos levar para as escolas a arte da poesia. Ouça a seguir na íntegra o programa deste sábado.

Ouça a íntegra do programa:


O artista plástico Edilton Santos e o poeta Nêgo do Manduri são os entrevistados do "Sinfonia Nordestina" deste sábado

Imagens: Reprodução/Divulgação

Hoje tem pintura e poesia em destaque no programa "Sinfonia Nordestina", na Rádio Surubim AM, a partir das 13h. O artista plástico Edilton Santos e o poeta Nêgo do Manduri são os entrevistados do poeta Klebson Oliveira deste sábado, a partir das 13h.

Acompanhe ao vivo, clicando no link abaixo:

domingo, 13 de julho de 2014

Nosso retrato


Vivo a fazer cultura
E viajo na ilusão
Vivendo assim contente
Retratando meu sertão
No verso improvisado
Levo sempre meu recado
Resgatando a tradição

Tradição desse povo
Nordestino de valor
A métrica tem origem
De poeta e cantador
A vida é sua escola 
Quando afina sua viola
Amenizando a sua dor

De repente um repente
Vira uma prosa matutal
Qualquer palavra dita
É um mote original
Uma ciranda bem marcada
Coco de embolada
Não nego meu natural

O cenário rústico
Nos deixa amendrotado
O sertanejo padece
Parece um pecado
Com a seca castigada  
Uma marca registrada
Que me leva ao passado

KLEBSON OLIVEIRA





segunda-feira, 7 de julho de 2014

Tributo a Zito Barbosa


Zito viveu o seu tempo
Fazendo a vida ser boa
Não desperdiçou o tempo
Nem gastou o tempo atoa
Transformou o mal em bem
E se transformou também
Numa excelente pessoa

Eis aqui eternizado
O homem das vaquejadas,
Da cultura popular,
Do forró das vaquejadas,
O taxista vaqueiro,
Locutor e caminhoneiro,
Desbravador das estradas

Seu nome ainda vai ser
Em tudo imortalizado
Nos parques de vaquejadas,
No baião, xote e xaxado,
Nas festas de São João,
Nos costumes do Sertão,
Forró e festas de gado.

É esse o nosso tributo 
A quem deu tudo de si
Por uma vida melhor
E viveu para servir,
Fazendo jus ao prestígio
De um cidadão prodígio
Nascido no Manduri.

NEGO DO MANDURI

Contrariedades do Matuto


Meu Sertão tem de tudo
Até posso imaginar
Assim disse o poeta
Gente humilde, popular
Agora no verso que faço
Com cuidado eu narro
Estórias do meu lugar

Agreste que eu cresci
Matuto tem de montão
Surgem nomes diferente
A quem tenho admiração
Matutada é inteligente
Vive apelidando gente
Tem isso como vocação

Essa semana ouvi 
A minha linda avó
Chamar Zé de Zefa 
De zé do catimbó
Dida ela chamou de Bira
Casado com Jandira
Nenzinha tá no caritó

É tanta prezepada
Sarturnino é bigodinho
Nonato é homi véi
Espera ai um tiquinho
Severino sempre é Bil
E nenem caba bom e hostil
Tem zeca que agora é zezinho

Ora essa quem já se viu
Amâncio que é Beija
Não tem nada a vê
Seu Salú não deixa
De tomar uma gelada
Eita tanta gente animada
Quero que você conheça

Dona Maria Izabel
Virou Zabé do pife
Duardo so toca violão
Incrível isso so existe 
Aqui no meu Sertão
Maria virou João
Jaoninha manicure so faz bife

Tonhão não é Mané
Benedita tem o riso singelo
Gosta de ser abraçado
Dé pacaré é Belo
Josino de seu Dão
Pedro Caeba é Antão
Chico tem a cara de fragelo

Ave Maria que coisa 
Essa gente do sertão
Paulo Germano é prego
Tem Socorro de Anunciação
Tem Manezin vaqueiro
Lulu nunca foi conselheiro
É a maior confusão

São Severino do Ramo
Jesus Maria, José
Coisa mais estrambólica
Oxe Deus me perdoe se quiser
Esse é o dito popular
O linguajar do lugar
Matutada de muita fé

Matuto inteligente feliz
Cria com  tanta alegria
Apelidando os amigos
Tudo vira poesia
Um fuxico de primeira
Acredite não é asneira
Seja noite, ou seja dia

Tem seu João cipó
Seu Antoin da rede
Seu Bastão contente
Bidoia mata sua sede
Lambuzano a língua nos beiço
A pai Mané tenho apreço
E seu Severino é um dele  

Quer conhecê venha cá
Nossa cultura tem tudo
Você vai ser bem recebido
Tenho certeza não duvido
Uma verdadeira harmonia
Nordestino de fé e alegria
Um caba da peste que acredito

KLEBSON OLIVEIRA

Saudade do Gonzagão



Dia de Luzia Santa preferida
Vai cartinha fechada
No Araripe, na Chapada
No Exu, na guarida
Nesta data querida
Ave Maria sertaneja
Um resfunlengo, uma peleja
Nasceu o rei Gonzagão
O xote, o xaxado e o baião
Louvado assim que seja

Foi o maior alvoroço no Sertão
De repente um vira e mexe chegou
Virou, mexeu, alegrou
Foi tanta emoção
Com o nascimento do Gonzagão
O fole roncou no pé de serra
Cabrueira da minha terra
Subiu a ladeira e foi visitar
A majestade do lugar
Nordestinando toda uma era

Sanfona branca dourada
No compasso dessa simetria
Os festejos, amanheceu o dia
Muita gente animada 
Quanta alegria abençoada
O forró de Mané Vito
Forrozada com carne de cabrito
O forró foi vadiando
Todo mundo festejando
O nascimento bendito

O lamento sertanejo criado
O voo da Asa Branca
Uma saudade e tanta
Seu cabelo prateado
Me remete ao passado
O nosso rei do Sertão
O cantador do povão
Filho de Januário e d. Santana
A quem tanto ama
Ninguém esqueça não

Não esqueça do som de fole
Do triângulo e do ganzá
A zabumba vem zabumbá
E todo mundo aqui se bole
Haja fum, fum, depois dum gole
Mandei fazer um liforme
Com toda preparação de uniforme
Com os dizeres amei o Sertão
Filho da terra com a maior gratidão
Defendo meu povo com orgulho enorme

Viva o nordeste
Viva o nordestino
Que luta desde de menino
Um sonhador cabra da peste

KLEBSON OLIVEIRA




sábado, 5 de julho de 2014

Desejando um abraço

Junta o calor, o mormaço
Se você tocar em mim
Ai eu fico sempre assim
Desejando o teu abraço
Para aliviar meu cansaço
E toda essa minha vontade
O fogo da fogueira bole de verdade
E para apagar esse fogo
Tô derretendo no seu jogo
Fico fogoso e cheio de maldade

Meu desejo é te matar de Cheiro
Somos um lindo mimosear
Queria ta sempre perto para te cheirar
E envolver-me nesse tempero
Temperando um abraço derradeiro
Os terreiros iluminados
Pares dançando agarrados
Um forró bem apimentado
O povo se sacode por todo lado
É o fogo que aquece o dia dos namorados

KLEBSON OLIVEIRA

Ouça a íntegra do programa "Sinfonia Nordestina" deste sábado (05/07)

Márcio fez uma demonstração ao vivo do seu trabalho musical no programa (Foto: Charles Nascimento/Divulgação)
Se você perdeu, ouça agora a íntegra do programa "Sinfonia Nordestina" que apresentei na tarde deste sábado (05) na Rádio Surubim AM, onde entrevistei o clarinetista surubinense Márcio Rodrigo, do "Duo Clariano":

Márcio Rodrigo é o entrevistado de hoje (05) no "Sinfonia Nordestina"

Programa é apresentado por este matuto, a partir das 13h (Foto: Charles Nascimento)
O músico surubinense Márcio Rodrigo é o entrevistado deste sábado (05) no programa "Sinfonia Nordestina", da Rádio Surubim AM, a partir das 13h. Conto com a audiência de todos vocês!

Quem quiser acompanhar ao vivo, através do site da emissora, é só clicar no link abaixo: