Bem vindos ao Matutices Poéticas!

Bem vindos ao Matutices Poéticas!

terça-feira, 5 de agosto de 2014

Tarde de verão



Ouvindo um amigo falar
Tirando-me a concentração
Sendo assim sigo na direção
Vou tentar não me desvaiar,
Sem argumento para criar
Levanto mais nada adianta
A cefaléia deixa a cabeça tonta
Escutando a bossa nova
Um som que sempre me renova
Mais logo o verso se apronta.


O vento sopra bem de mansinho
Esfriando a tarde quente de verão
Adentro nas arguras do coração
Vejo o voo de um passarinho
No céu azulado voando sozinho
Mesmo assim demoro um bocado
Para notar que tenho do meu lado
Assuntos a miúdes, é so parar
Com paciência tentar enxergar
Descrevendo vou, bem sossegado.


A música que ouço no momento
Viajo no mundo sem paradeiro
Sinto-me como um aventureiro
Tão simples parece um juramento
A melodia martela no pensamento
Mas agora estou satisfeito
Bem sorridente com o poema feito
Para quem de repente se deparava
Sem assuntos, nada encontrava
Encontrei, terminei, o poema perfeito.

KLEBSON OLIVEIRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário